Archive for the ‘O Gigante Acordou’ Category

Há os Gritos de Gol, Há os Gritos de Dor

09/06/2014

***(*) ******(*)

Três Toques

12/05/2014

que se dane a copa e a selecaoMiranda, Ganso, Fabuloso e Scolari – Se antes eu já tinha motivos sociais e políticos de sobra pra torcer contra esta seleção e esta copa, imagine agora que o Scolari fez esta palhaçada com ídolos do São Paulo. Começando pelo Miranda que não joga mais no clube mas convenhamos, está jogando muito no Atlético Madrid. Olha que situação bizarra. Um cara que pode ganhar a Champions League, vai ficar de fora do mundial porque foi preterido pelo Henrique. Sabe meu, convicções pessoais têm limites. Você não pode jogar o sonho de um profissional no lixo assim. Ele tem 30 anos, é de 1984. Será que ele vai ter outra chance na seleção ? Bem difícil… E o Fabuloso ? Olha o que o cara tem jogado, olha o comportamento, a entrega, a regularidade. Recebeu até elogios do Muricy. Foi trocado pelo Fred. O Fabuloso joga mais que todos os convocáveis. Sem exageros. Tremenda injustiça com os dois jogadores. Correndo por fora da convocação final estava o Ganso. É craque, veja o passe que ele deu ontem para o gol do Fabuloso com 3 caras em cima dele, sem contar o que ele fez durante toda a partida. E tem gente na imprensa que se especializou em pegar no pé do craque e falar mal. Um destes babacas chegou a filosofar: “o Ganso é uma Ferrari a gás”. Se fosse convocado não seria nenhuma surpresa e seria merecido.

Muricy e Boschilla – Não quero criar clima contra o Muriçoca, adoro o cara de verdade, mas estranhei muito o tratamento que ele deu a jovem promessa Tricolor no domingo. E não é a primeira vez que o garoto é destratado. No jogo entre São Paulo 3×0 CRB, o Boschilla entrou aos 45´ do segundo-tempo, deu um pique e o juiz terminou o jogo. Nem deu tempo pra transpirar, não chegou a tocar na bola. Achei desnecessário colocar o moleque no final. Era realmente necessária a substituição ? Pra mim não era. O que você muda aos 45 do segundo-tempo ? Lembrando que ele entrou no lugar do Ganso ( melhor do jogo ) que não estava machucado e nem cansado. Se falar que mudou porque o Ganso tinha amarelo, não deveria ter feito a substituição tão tardiamente. Ontem contra o time do governo, o treinador esbraveja na frente das câmeras contra o garoto que é defendido pelo Ganso: “é um garoto ainda !”. O esculacho ganha as manchetes do pós jogo e olha que assunto não faltou. Pra quem costuma dizer nas coletivas que não fala de jogador individualmente pra não criar atritos no grupo, além de dizer acreditar – pelo menos na teoria – que problemas de grupo devem ser discutidos internamente, a atitude ao final do jogo me pareceu totalmente incoerente com o discurso. Será que a cena toda aconteceu apenas por se tratar de uma promessa e não de uma estrela ? Agora eu quero ver esporro no Maicon quando ele erra passes de 3 metros, quero ver esporro no Ganso quando preciso, quero ver esporro no Pato quando ele chuta pra fora estando dentro da área, quero ver esporro no Fabuloso quando ele discute com juiz, senão vai parecer encenação pra dizer que tem comando. Comando é pra todos e não para os mais humildes. Se não for assim não é grupo, é panela.

Inauguração do Privadão – Tem coisas que só acontecem na Zona Lost amigo. O lance que originou o primeiro gol do Itaquerão foi de penalti,  muito simbólico não acham ? No lance, o ex-jogador Palhinha acabou se machucando e fraturou o braço. Ele foi hospitalizado e segundo informações passaria por cirurgia nesta segunda, sabe onde ? No HOSPITAL SÃO LUIZ MORUMBI. Não é pra dar risada ? Como é que o Itaquerão não é longe meu Deus do céu ?!? Será que vão fazer aqueles vídeos ridículos medindo distâncias desta vez ?…

***(*) ******(*)

Desculpe Neymar

07/04/2014

***(*) ******(*)

Rapidinhas do Lina

25/03/2014

Aidar – Vou confessar. Se eu fosse conselheiro eu votaria no Carlos Miguel Aidar. Já não tenho mais dúvidas. Sei que ele é candidato do Juvenal, que por sua vez colecionou tantos desafetos no clube que fortaleceu a oposição. Mas entre Kalil e Aidar não há como não notar a diferença de gabarito, basta assistir a entrevista com os dois candidatos que o UOL publicou em seu site. Também gosto do MAC ( é do ramo ) e espero que se o Aidar vencer, ele seja convidado para participar da gestão do futebol, o clube ficaria fortíssimo fora das quatro linhas.

Efeito Juvenal – Falando em Aidar, muita gente criticou o fato do candidato à presidência do clube ter se envolvido na questão CBF e Portuguesa, atuando como advogado para a confederação. O problema é que já sofremos muito com a maldade do cartola exilado em Miami quando este era presidente, pelos confrontos que tivemos com ele e outros desafetos. Brigas justas aliás, mas que nos trouxeram prejuízos. Os que se alinharam àquela gente durante a eleição do C13, ainda colhem frutos dos seus servicinhos. Não precisamos lamber a bota de ninguém, mas para o bem do clube, o dialogo deve ser mantido. Esta talvez tenha sido a grande lição da gestão Juvenal. Assim, não vejo nada demais em prestar auxílio profissional a entidade. Não se trata de toma lá, dá cá como já vimos por ai. É trabalho e é honesto.

Aliciamento – A gritaria contra o Tricolor deu uma trégua. O São Paulo se comprometeu na FPF a não aceitar mais jogadores de outros clubes em Cotia, o clube oficializou a promessa em carta enviada a entidade. Mas já fizeram a mesma coisa com o São Paulo diversas vezes como já falamos antes. O Gabigol, atacante do santos, foi revelado no São Paulo e foi levado para a Vila Belmiro antes de completar 16 anos conforme você pode ler aqui. Você viu o São Paulo gritar a respeito ?

Ganso e Jadson – A dupla que poderia ter formado o melhor meio de campo do país não funcionou. Desde que PH Ganso foi contratado, o torcedor Tricolor sonhou alto, chegando a vislumbrar a dupla Palhinha e Raí revisitada, guardadas as devidas proporções, lógico. Ganso e Jadson não conseguiram agradar nenhum treinador desde Ney Franco. A culpa foi dos treinadores ? Não. A culpa foi dos jogadores ? Não. De quem foi a culpa da dupla não ter funcionado como deveria ? Da falta de planejamento da diretoria. Futebol é simples amigos. Se um time tem dois meias, o meio de campo precisa de um outro extremo também importante: o volante de retenção, o marcador, o cão de guarda. Este jogador não existe e até hoje não temos um volante com esta pegada. O Jadson foi embora, se cansou de ser reserva porque sabe que tem bola pra ser titular. Fez o certo. Agora começa a jogar bem no arquirrival e pode ser mais um que entra na lista dos que saíram do Morumbi pelas portas dos fundos pra ser feliz em outras bandas. O engraçado da história fica apenas no fato do ex-meia Tricolor ter sido tratado como mediano quando estava por aqui, pra ser elevado a categoria de gênio na marginal. Coisas da imprensinha…

O 1 e o 9 – Eu não ligo mais pra seleção brasileira, me preocupa apenas quem do São Paulo vai vestir a camiseta amarela e só. Torço pelos representantes do maior clube do país, o resto não interessa. O que chama a atenção entretanto, é a falta de critério do Felipão em relação a velha máxima “futebol é momento”, em prol de um suposto grupo fechado de jogadores. O problema é que seu goleiro titular Júlio César está exilado no Canadá, país sem nenhuma representatividade no futebol, enquanto o Rogério anda jogando demais, sempre mantendo a regularidade desde que voltou da contusão no tornozelo. Se houver justiça, ele deve ser convocado. Na frente o seu escolhido vive sofrendo lesões. Fred tem 3 gols na temporada e está em fase descendente. Por aqui o Luis Fabiano já marcou 9, está querendo jogo e deseja ser convocado. Também deveria ser chamado na minha opinião. Bom lembrar que nenhuma seleção brasileira foi campeã do mundo sem jogadores do São Paulo.

Mudança de personalidade – Vocês notaram que o São Paulo não é mais um time que se abate quando sofre gols ? Não faz muito tempo, bastava levar um gol que batia o nervosismo. Agora não, os caras colocam a bola no chão e vão pro jogo. Foi o que aconteceu contra o time.gov e depois contra o Ituano. Não fosse a chuva, o time do governo ainda estaria no paulistinha. Mas fazer o quê se até a natureza é anti ?

Quando uma marca vira sinônimo – Marqueteiros sonham fazer uma marca virar sinônimo de um produto. Quando você deseja “Cotonete” por exemplo, você quer na verdade uma haste flexível com ponta de algodão. Quando você quer um “Band-Aid”, na verdade você deseja uma atadura colante com gaze. Poucas marcas conseguiram tal façanha. Pesquise. Em um passado recente, muito se falou que o São Paulo havia se corintianizado e que o corinthians havia se sãopaulinizado. Diziam que houve uma mudança de cadeiras no futebol paulista em relação a organização e conquistas.  Não tem preço ver seu clube do coração ser sinônimo de gestão competente e vitoriosa enquanto o outro é o oposto disso.

Quando uma marca vira sinônimo 2 – Poucas vezes eu vi na imprensa esportiva, tamanho escracho em relação as declarações de um treinador. A ampla maioria dos comentaristas nos programas que eu assisti, disseram que o São Paulo não entregou o jogo contra o Ituano e de quebra ainda detonaram o ex-treinador da seleção nacional, até os corintianos. Na ESPN,  o ex-jogador Ricardinho convidado de um dos programas chegou a dizer que duvidava que o São Paulo tivesse entregado, disse: “não tem esse perfil”. Foi então que eu me dei conta que não era uma questão de torcedor, mas da instituição. Não que eu não soubesse, mas a ira e a vontade de vingar 2009 falavam mais alto. Depois disso tudo eu entendi que nosso clube tem que continuar a ser o que é: ilibado, sinônimo de seriedade e competência. Não há troféu maior pra isso que ouvir da boca das pessoas o quanto nós somos honrados, ouvir alguém espontaneamente testemunhar da nossa honestidade. Não tem preço. Nunca mais vou desejar que meu time perca um jogo pra prejudicar quem quer que seja. Lição aprendida.

Padrão FIFA no Brasil – Vocês já viram aquelas pessoas que andam de terno e gravata em dias de verão ? Seja por questões profissionais ou por questões religiosas, usam uma vestimenta originalmente criada para o clima europeu em um país tropical. Estupidez sem tamanho não se adaptar. Muito se fala do padrão FIFA nos estádios em construção no Brasil. Por padrão FIFA subentenda-se modelo europeu: estádios verticais, arquibancadas com inclinação maior em relação ao campo de jogo e próximas ao gramado. Em muitos casos, o torcedor ficará distante de 2 a 3 metros da linha lateral. Será que o país que tem vivido episódios de violência entre torcidas nos últimos anos está preparado para tal padrão ? Não é um passo muito largo para um povo que não tem o mesmo nível cultural, intelectual e principalmente educacional dos europeus ? Quer um exemplo ? Vila Belmiro. O estádio que fica em uma das cidades com maior IDH do país já presenciou diversas vezes cusparadas, arremesso de moedas em atletas e já viu até chinelos voarem para dentro do campo de jogo. Isso sem contar privadas arremessadas em torcedores rivais durante a partida. Nós ainda testemunharemos problemas sérios em muitos estádios pelo Brasil por nos rendermos aos caprichos da FIFA. Quem viver, verá.

O impasse no Itaquerão e a pressão das ruas – A receita é conhecida: deixe atrasar até que venha o socorro. Em São Paulo falta dinheiro para fazer as tais estruturas temporárias no Privadão do Lula e do Kassab. Impasse criado, espera-se a injeção de recurso público no problema. Só que depois da demonstração de insatisfação popular nas ruas com o mal uso do erário, não há mais quem se arrisque a bancar o sonho de centenária incompetência sem medo de ter sua imagem arranhada às vésperas das próximas eleições. Pra quem acha que de nada serviu ir pra rua, eis a resposta. Se vira ai cara de areia !

***(*) ******(*)

Articulista da Veja Detona Copa no Brasil, Maracanã, Itaquerão e Arena da Baixada

28/01/2014

O artigo todo é sinistro, mas peguei a parte mais nojenta pra destacar. Vale a pena ler. Vamos pra rua !

As maracutaias não contabilizadas continuam à espera da ofensiva dos políticos ditos oposicionistas, das reações vigorosas dos brasileiros que não capitulam nem se juntam à manada, das ações do Ministério Público e da mão pesada da Justiça. Entre tantas bandalheiras, é preciso investigar com urgência, por exemplo, a origem e o destino do dinheiro que saiu pelo ralo da reforma do Maracanã ou da construção do Itaquerão.

As duas obras custariam cerca de R$ 500 milhões cada uma. A primeira passou com folga de R$ 1 bilhão. A segunda está chegando lá, o que fará do novo estádio do Corinthians o fruto mais lucrativo da dobradinha formada pela Odebrecht e por Lula. Pai do colosso, o ex-presidente que virou camelô de empreiteira envolveu nos trabalhos de parto a mãe do PAC, o BNDES, o governo estadual e a prefeitura de São Paulo, fora o resto. Quem ganhou quanto?

A cinco meses do jogo de abertura, o colapso do projeto em execução no estádio do Atlético Paranaense informa que os espertalhões perdulários ignoram limites. Irritado com o que viu por lá na última inspeção, o secretário-geral Jerôme Walcke avisou que a arena de Curitiba seria excluída do mapa da Copa se o ritmo das obras não passasse a obedecer ao padrão Fifa. Imediatamente, o orçamento subiu de R$ 265 milhões para R$ 319 milhões. O salto de 20% será coberto pelos cofres públicos, que já financiaram 85% do que se gastou.

A festança dos vigaristas vai acabar acordando as multidões que, em junho passado, impuseram aos farristas algumas semanas de insônia e medo.

Via Coluna do Augusto Nunes

***(*) ******(*)

Bom Senso FC: Convocação

16/01/2014

Visite o site e assine a petição: http://www.bomsensofc.org

***(*) ******(*)

Apanhador Só – Mordido (Não Vai Ter Copa)

07/01/2014

***(*) ******(*)

Águas de Junho

10/12/2013

Demais.

***(*) ******(*)

Brazilian Football Revolution

06/12/2013

Durante a copa do mundo 2014, na sede mais próxima de você…

copa e o caralho

***(*) ******(*)

Rapidinhas do Lina

04/10/2013

As mentiras da TV do monopólio – Quem não acredita que existe gente disposta a tumultuar o ambiente do São Paulo FC, deveria repensar. Não se trata nem de teorias conspiratórias, mas de fatos. O Milton Cruz em entrevista ao SPFC.net desmente matéria veiculada no site da TV do monopólio. Faz sentido divulgar lista de dispensas faltando 13 rodadas para o fim do brasileirão ? A quem interessa inventar uma lista a esta altura do campeonato ? Certamente não interessa ao São Paulo FC.

Teclados de aluguel – Como o momento é de criar factóides – afinal o clubinho queridinho da mídia, o campeão mundial empurrado está numa draga desgraçada – um dos maiores representantes deste tipo de imprensa está vomitando inverdades em seu blog hospedado no site da TV do dízimo. O cara fala em aliciamento e coloca uma foto do Lucas, como se o jogador tivesse sido retirado a força do clube do governo. O Lucas já esclareceu o que aconteceu. Ele e o seu pai que decidiram sair de lá porque não receberam as condições básicas de estrutura, apoio e dignidade para o desenvolvimento do jovem talento. Assista o próprio jogador contando o que aconteceu, negando estas mentiras e tire suas próprias conclusões.

AliciamentoFinalmente o jurídico do Tricolor resolveu se posicionar. É duro ler os comentários a respeito deste assunto quando matérias são veiculadas nos sites de esporte por ai. Um cara da ESPN chegou a dizer que o São Paulo deveria “provar” que não tem culpa das levianas acusações do bloco da inveja. Como se o ônus da prova estivesse a cargo do acusado e não do acusador. Até o conceito jurídico da questão querem mudar.

Aliciamento 2 – Existe um acordo de cavalheiros nas categorias de base que é a de não contratar nenhum jogador que queira mudar de clube, caso um jogador resolva deixar o lugar onde está legalmente. Tudo isto seria perfeito se quem inventou o acordo cumprisse suas obrigações conforme a legislação vigente, mas não cumprem e querem evitar a debandada dos seus atletas exigindo que se cumpra um acordo do qual o São Paulo não é signatário, não faz parte e nunca deu sua palavra. Em resumo: os caras não pagam salários, não têm estrutura e mínimas condições para revelar jogadores. Não cumprem sua parte e ficam de birrinha porque o São Paulo recebe os caras e cuida deles. Enquanto isto os teclados de aluguel, corruptos que são, atiram pedras em quem cuida e exaltam os que pouco se importam. E viva o cartel do descaso !

Aliciamento 3 – O amigo já ouviu falar de um jogador chamado Willian Arão ? Não ? Este jogador revelado na base do São Paulo, foi contratado pelo clube do governo. Devo dizer que foi aliciado ? E o meia-atacante Sérgio Soller, jóia de Cotia contratado pelo Santos com 16 anos ? Foi aliciado ? E o Oscar, que foi contratado pelo Internacional à revelia de um contrato vigente ( incrível mas este clube faz parte da lista dos que querem boicotar o São Paulo na base, é pra rir ), aliciado ? E o lateral-esquerdo Diogo que chegou a ser especulado nos travecos ? Aliciado ? Lucas Piazon chegou a treinar no clube do governo e teve que voltar. Aliciado ? E os cavalos de tróia que foram enviados para Cotia ? Esqueceram ? Cadê a mídia pra falar sobre isto ?

Bom Senso FC – Um dos objetivos do movimento criado pelos jogadores é excluir das competições da CBF, toda e qualquer agremiação que não pague os salários dos seus jogadores ( de qualquer categoria ) em dia. O chamado “fair play financeiro”. A maioria dos clubes envolvidos em um possível boicote a Copa São Paulo de Futebol Junior está na lista. Coincidência ?

Arrogante pra quêm ? – A imprensinha costuma dizer que o M1TO é arrogante. Não é isto o que se vê nas partidas em que ele joga. Antes e ao final dos jogos, a TV mostra a maioria dos jogadores dos times rivais se dirigirem a ele para cumprimentá-lo e pra pedir sua camisa. Em quem devemos acreditar ? No que eles escrevem ou nas imagens vistas na TV ?

Arrogante pra quêm 2 ? – Pra deixar bem claro pra todos como o mítico goleiro Tricolor é querido e respeitado em seu meio, é ele quem fala em nome dos jogadores envolvidos no Bom Senso FC. O porta voz da boleirada. Isso deve significar alguma coisa não ?

Concentração antecipadaTá todo mundo de castigo nos lados do Morumbi. Depois da palhaçada que aconteceu na Favila das Privadas, com Ganso e Wellington andando em campo, com Osvaldo parecendo pesar 150 kgs, com Douglas e Edson Silva indignos de vestir o manto, acho pouco antecipar concentração. Antecipar concentração não faz jogador criar vergonha na cara, não faz jogador ganhar talento, concentração não faz milagre. Nós estaremos a um passo de depender de um milagre se estes caras continuarem desonrando nossa história como têm feito.

E se cair ? – Se cair, um dia vai se levantar. Esteja onde você estiver, você nunca estará sozinho. “Eu vou lá com você. É tudo que eu posso fazer.”

***(*) ******(*)

Feliz Dia do Amigo

20/07/2013

Feliz dia do amigo

***(*) ******(*)