São Paulo FC 2×1 Oeste

Em outubro do ano passado, na disputa do Campeonato Brasileiro, o zagueiro Antonio Carlos marcou dois gols e comandou o triunfo do Tricolor sobre o Vitória, por 3 a 2, no Morumbi. Na tarde deste domingo (26), diante de mais um clube rubro-negro, o xerifão foi decisivo e garantiu a vitória do São Paulo. Com dois gols do camisa 4, o time são-paulino venceu o Oeste por 2 a 1 e manteve a liderança do Grupo A no Campeonato Paulista, agora com seis pontos.

De quebra, o Tricolor manteve a invencibilidade sobre o clube de Itápolis. Agora, em seis partidas, o São Paulo detém quatro triunfos e apenas dois empates contra a equipe do interior, que marco nesta tarde com Bruno Nunes. Na próxima rodada, a quarta da competição regional, os comandados de Muricy entrarão em campo novamente para defenderem a liderança da chave. Desta vez, porém, o adversário será o Rio Claro, no dia 29.

Sem poder contar com o goleiro Rogério Ceni, com dores no joelho direito, o técnico Muricy Ramalho escalou Denis no gol e manteve o esquema tático 4-3-3. Assim, o time são-paulino começou o jogo com Denis; Luis Ricardo, Rodrigo Caio, Antonio Carlos e Alvaro Pereira; Wellington, Maicon e Paulo Henrique Ganso; Ademilson, Luis Fabiano e Osvaldo.

E com a bola rolando, o estreante Alvaro Pereira criou as melhores jogadas do Tricolor no primeiro tempo. Em sua primeira participação no São Paulo, com apenas um minuto de jogo, o uruguaio cobrou escanteio e, no rebote, deu o seu primeiro chute a gol, mas a bola subiu muito. Pouco depois, aos dois minutos, o lateral desceu pela esquerda, cruzou, mas o goleiro Fernando Leal interceptou e ficou com a bola.

Melhor na partida e buscando o gol, o São Paulo acuou o Oeste, que praticamente não passou do meio de campo e tinha dificuldades na saída de bola até os 15 minutos. Para buscar os espaços, o Tricolor continuou trocando passes e apostou nas tabelas entre Osvaldo e Alvaro, que desciam com perigo pela esquerda.

Porém, sem conseguir furar a defesa adversária, os comandados de Muricy mudaram a tática e apostaram nas bolas aéreas com o zagueiro Antonio Carlos. Aos 24 minutos, Ademilson recuperou a bola na direita, fintou o marcador e, de esquerda, cruzou com perfeição para o zagueiro surgir no meio da zaga e raspar de cabeça, no canto direito de Leal, que não teve chances de defesa: 1 a 0.

Em vantagem após o gol do experiente xerifão, o São Paulo agora trocava passes na defesa e administrava o resultado na quente capital paulista. O forte calor forçou os jogadores a tirarem o pé do acelerador, mas Antonio Carlos não quis saber de aliviar a vida do Oeste. Aos 41, após cobrança de Alvaro Pereira no escanteio, o zagueiro-artilheiro subiu muito mais que toda a zaga rival e testou firme, no canto direito do goleiro, e ampliou: 2 a 0, que se manteve até o intervalo.

Na volta para a segunda etapa, vencendo por dois gols de diferença, o Tricolor não se atirou tanto ao ataque e tratou de tocar a bola. Mais cadenciado, o time são-paulino até deu mais campo para o Oeste jogar, mas não sofreu grandes sustos.

Ao contrário. Ainda assim, quase ampliou o marcador. Aos 18, Alvaro cobrou escanteio Luis Fabiano testou com perigo e a bola passa raspando a trave de Fernando Leal, que já estava batido. Pouco depois, Luis Ricardo recebeu livre, bateu firme, mas a bola desviou na defesa.

Tranquilo no jogo, o São Paulo ainda teve boa chance para anotar o terceiro gol. Luis Fabiano cobrou pênalti, aos 23, porém o goleiro Fernando Leal se esticou todo e impediu o segundo gol do Fabuloso na temporada 2014. Nos minutos finais, os visitantes partiram para cima e conseguiram balançar as redes, com Bruno Nunes, aos 36, e ameaçaram empatar a partida. No entanto, seguro, o goleiro Denis praticou boas defesas e conteve o ímpeto do rival.

Via Site Oficial

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 2 X 1 OESTE

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 26 de janeiro de 2013, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Alessandro Darcie (SP)
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Ricardo Pavanelli Lanutto (ambos de SP)
Cartões Amarelos: Alvaro Pereira, Wellington (São Paulo) e Ligger, Fernando Leal (Oeste)
Gols: SÃO PAULO: Antônio Carlos, aos 25 e aos 42 minutos do primeiro tempo – OESTE: Bruno Nunes, aos 36 minutos do segundo tempo

SÃO PAULO: Denis; Luis Ricardo, Rodrigo Caio, Antônio Carlos e Álvaro Pereira (Reinaldo); Wellington, Maicon e Paulo Henrique Ganso; Ademilson, Luis Fabiano e Osvaldo (Ewandro) Técnico: Muricy Ramalho

OESTE: Fernando Leal; Eric, Dezinho, Ligger e Piauí; Adriano Alves, Everton Dias, João Denoni (Wagninho) e Fernandinho; Lelê e Jheimy (Bruno Nunes) Técnico: Ademir Fonseca

Via Gazeta Esportiva

Melhores Momentos

Relacionados

VÍDEO: Coletiva de imprensa – Muricy Ramalho

Eu no Morumbi: São Paulo x Oeste

Antonio Carlos assume liderança de ranking histórico

Bastidores de São Paulo x Oeste

“Temos de criar mais e fazer muito mais gols”

Vitória, assistência e família marcam estreia de uruguaio

Velha rotina: Antonio Carlos faz dois e vira artilheiro do time

***(*) ******(*)

9 Respostas to “São Paulo FC 2×1 Oeste”

  1. ROBERTO DIAS 1935 Says:

    Tá ruim??Sim sem duvidas…mas não perde a duas partidas…com a atual diretoria é só assim que podemos torcer😦

    Lina: Até o Muricy falou que ainda não tem um time.

    • Alemão Says:

      Não entendi nada.
      Tá falando bem ou falando mal ?

      • ROBERTO DIAS 1935 Says:

        Falando Moderado…não perdeu tá bom…mas o futebol apresentado é ruim, sem reforços é ruim…está diretoria é ruim…mas não perder é bom…ou seja a que ponto chegamos….!?

  2. Felipe 6-3-3 Says:

    Sufoco do Oeste ! Acaba logo mundão !
    kkkkk

    Lina: Dureza.

  3. Alemão Says:

    O goleiro se adiantou no penalti do Luis Fabiano.

    Lina: Nossa velho, imagina se fosse o Rogério Ceni.

  4. Marcos Tri Says:

    Com Souza e o atacante colombiano melhora bem hein Lina ?
    O que você acha ?
    Vamos esperar, quero só ver.

    Lina: Melhora muito. Agora, uma coisa é o papel, a outra é o campo…

  5. Hexa Único Says:

    O Denis fez uma defesa digna de M1TO.
    Foda é que tem torcedor que reclama do cara.

    Lina: Eu vi, o problema é que sempre vão desconfiar do cara. Não é fácil substituir um monstro sagrado do gol…

  6. Sãopaulino Says:

    Alguém sabe quantos penais o pipoqueiro já bateu, e perdeu, desde que voltou ao SPFC?

    Não lembro de nenhum acerto…

    Lina: Já perdeu vários, mas acertou um contra o museu pelé em março de 2012 pelo paulistinha: http://www.youtube.com/watch?v=57YTJKX135w

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: