Archive for 23 de setembro de 2013

Luis Fabiano, o Fabuloso

23/09/2013

***(*) ******(*)

Goiás 1×0 São Paulo FC

23/09/2013

O Goiás derrubou a sequência invicta do técnico Muricy Ramalho no seu retorno ao clube. Na tarde deste domingo (22), no Estádio Serra Dourada, os anfitriões venceram por 1 a 0. O gol solitário, válido pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2013, foi marcado pelo zagueiro Rodrigo que já atuou na equipe são-paulina.

Com o resultado, em Goiânia, o São Paulo se manteve com 27 pontos na competição nacional e está na 15ª colocação. Foi o primeiro revés de Muricy após acertar a sua volta ao Tricolor que, no próximo domingo (29), enfrentará o Grêmio. Antes, na quinta-feira (26), o time são-paulino medirá forças contra a Universidad Católica, no Morumbi, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Sem Maicon (suspenso) e Carleto (ruptura nos ligamentos do joelho), o técnico Muricy Ramalho promoveu o retorno do zagueiro Rafael Toloi, que cumpriu suspensão na última rodada, e adiantou Rodrigo Caio para o meio de campo. Assim, o Tricolor foi escalado com Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Antonio Carlos e Reinaldo; Rodrigo Caio, Denilson, Paulo Henrique Ganso e Jadson; Welliton e Luis Fabiano.

Atuando em casa, os goianos criaram as melhores jogadas, mas a equipe são-paulina também assustou. Nos primeiros minutos de jogo, os paulistas pressionaram. No entanto, esbarrou na falta de pontaria. Aos 7, Ganso deu belo passe para Welliton, que fintou o goleiro Renan, mas chutou para fora. Pouco depois, aos 11, o maestro roubou a bola e tocou para Jadson, que lançou Paulo Miranda. O camisa 13 dominou com o peito e bateu em cima do arqueiro rival, que defendeu em dois tempos.

Apesar de buscar as tabelas entre os dois meias e tentar acionar os atacantes Luis Fabiano e Welliton, o São Paulo acabou dando espaços ao Esmeraldino e viu Rogério Ceni fazer grandes defesas. Arrojado, o M1TO fez grandes intervenções e impediu que as redes balançassem ainda na primeira etapa. Foram pelo menos três defesas difíceis que garantiram o empate sem gols até a ida dos jogadores para os vestiários. Denilson, aos 33 minutos, sentiu dores na coxa direita e acabou substituído por Fabrício.

Na volta para o segundo tempo, o Tricolor conseguiu equilibrar a partida e, dessa forma, evitou que os donos da casa criassem as jogadas. Aos 12 minutos, Aloísio herdou a vaga de Luis Fabiano e conseguiu dar mais velocidade ao time. Mais envolvente o São Paulo chegou com perigo aos 19. Ganso se livrou de dois e acionou Jadson. O camisa 10 encontrou Reinaldo, que chutou de esquerda e por pouco não abriu o placar.

Melhor no jogo, a equipe são-paulina ainda criou mais duas boas oportunidades, ambas com Aloísio, mas não conseguiu bater a defesa do Goiás. Osvaldo ainda entrou no lugar de Welliton, para explorar os espaços, porém não conseguiu criar as investidas com efetividade. E quando o duelo parecia definido, o zagueiro Rodrigo encheu o pé em cobrança de falta, aos 44 minutos, anotou o gol que deu a vitória ao Goiás.

Via Site Oficial

FICHA TÉCNICA
GOIÁS 1 X 0 SÃO PAULO

Local: Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 22 de setembro de 2013, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Paulo Henrique Godoy Bezerra (SC)
Assistentes: Fábio Pereira (TO) e Marrubson Melo Freitas (DF)

Gol: GOIÁS: Rodrigo, aos 44 minutos do segundo tempo

GOIÁS: Renan; Vitor, Ernando, Rodrigo e Thiago Mendes; Amaral, David (Ramon), Renan Oliveira, Hugo (Eduardo Sasha) e Tartá (Araújo); Walter Técnico: Enderson Moreira

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Antônio Carlos e Reinaldo; Rodrigo Caio, Denilson (Fabrício), Jadson e Paulo Henrique Ganso; Welliton (Osvaldo) e Luis Fabiano (Aloísio) Técnico: Muricy Ramalho

Via Gazeta Esportiva

Gol

Relacionados

Titulares ganham folga antes da estreia na Copa Sul-Americana

Muricy: “O jogo foi amarrado, e a bola parada decidiu”

Jadson valoriza postura da equipe fora de casa

Rodrigo Caio: “Foi uma fatalidade, mas seguimos firmes”

***(*) ******(*)