São Paulo 1×2 Time do Governo

O São Paulo enfrentou o Corinthians neste domingo, no Morumbi, pelo Paulista, com força máxima. Foi melhor a partida inteira, teve mais posse de bola e chances de gols, mas não conseguiu aproveitá-las e foi castigado em lance polêmico: derrota por 2 a 1, gol do Tricolor marcado por Jadson. Mesmo com o resultado negativo, a equipe segue na liderança do Campeonato Paulista, com 35 pontos, e já está com vaga garantida ns finais da competição.

Com força máxima à disposição, Ney Franco fez apenas duas mudanças na equipe que vinha jogando com mais frequência: Paulo Miranda e Maicon ganharam vagas. Jadson e Ganso ficaram na armação das jogadas, e Osvaldo, que retornou da Seleção Brasileira, fez dupla com Luis Fabiano no ataque.

SUPERIORIDADE, GOL NO INÍCIO E EMPATE NO FIM

O jogo começou pegado. O Corinthians sentiu que seria muito difícil segurar os são-paulinos, e logo aos quatro minutos o Tricolor abriu o placar. Osvaldo fez  a jogada pela esquerda e tocou para Jadson. Ele ganhou de Alessandro e chutou cruzado, sem chances de defesa para Cássio.

Sem diminuir o ritmo, Cássio continuou sendo acionado pelos Tricolores. Aos 13 minuto, Luis Fabiano conseguiu passar pelo zagueiro e chutou cruzado, mas pra fora. Osvaldo teve uma ótima chance após jogada maravilhosa de Jadson. O camisa 10 lançou o atacante na esquerda, e ele finalizou de primeira, mas por cima do gol.

Com calma na posse de bola e perigosíssimo nos contra-ataques, o São Paulo teve mais uma ótima chance aos 26 minutos. Ganso achou Jadson na direita, e o meia cruzou para a área, mas a zaga desviou antes de o lance chegar aos pés de Ganso. Em seguida, Osvaldo achou Luis Fabiano entrando na área, o atacante girou e chutou forte, mas Cássio conseguiu rebater. Acuado, o Corinthians viu o Tricolor ter ainda mais chances, como com Carleto, que bateu falta lateral e fez Cássio mandar em escanteio.

Apesar de bem superior na partida, o São Paulo sofreu um golpe no final da primeira etapa. Danilo acertou um chute da ponta direita e colocou a bola no ângulo de Rogério.

CASTIGO

O segundo tempo começou com menos pegada do que terminou a primeira etapa. Aos dez minutos, Luis Fabiano assustou Cássio recebendo na frente do goleiro, mas o assistente marcou impedimento do são-paulino. Aos 12, o atacante teria mais uma ótima chance, após passe de Ganso, mas novamente o assistente deu impedimento do jogador.

Nitidamente menos disputado que o primeiro tempo tempo, o clássico esfriou e ficou embolado. O São Paulo só chegou novamente aos 29 minutos, quando Paulo Miranda fez o cruzamento da direita e Jadson pegou de primeira, mas o lance saiu alto demais. Em seguida, Ney Franco fez a primeira mudança: Denilson deixou o jogo para a entrada de Wellington.

Mas a melhora são-paulina foi parada por um lance polêmico. Após recuo de bola, Alexandre Pato solou Rogério, que acabou acertando o pé do atacante, e o árbitro marcou pênalti do goleiro são-paulino. O atacante cobrou e converteu o pênalti.

Após o gol, Ney Franco colocou o Tricolor ainda mais à frente, e mudou a equipe colocando Wallyson no lugar de Maicon e Douglas na vaga de Paulo Miranda. Em seguida, Osvaldo chutou forte da esquerda, mas as zaga desviou em escanteio. Na cobrança, Luis Fabiano acertou a trave após completar de cabeça. Carleto, em cobrança de falta de longe, também teve chances, mas o goleiro pegou. Wallyson teve ótima chance, mas cabeceou o cruzamento de Osvaldo nas mãos do goleiro Cássio. Mesmo indo pra frente, o Tricolor não conseguiu o gol, mas segue no topo da tabela do Paulista.

REAPRESENTAÇÃO

O Tricolor volta a treinar nesta segunda-feira pela tarde no CT da Barra Funda. A próxima partida da equipe será na quinta-feira (04), contra o The Strongest, na Bolívia.

Via Site Oficial

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 1 X 2 CORINTHIANS

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 31de março de 2013, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP)
Assistentes: Fabrício Porfirio de Moura e Claudenir Donizeti Gonçalves da Silva (ambos de SP)
Assistentes adicionais: Luiz Flávio de Oliveira e Marcelo Rogério (ambos de SP)
Cartões amarelos: Carleto, Ganso, Rogério Ceni (São Paulo). Alessandro, Emerson, Alexandre Pato (Corinthians)
Público: 20.930
Renda: R$ 708.080,00
GOLS: SÃO PAULO: Jadson, aos 4 minutos do primeiro tempo
CORINTHIANS: Danilo, aos 41 minutos do primeiro tempo. Alexandre Pato, aos 37 minutos do segundo tempo

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda (Douglas), Rafael Toloi, Edson Silva e Carleto; Denilson (Wellington), Maicon (Wallyson), Jadson e Ganso; Osvaldo e Luis Fabiano Técnico: Ney Franco

CORINTHIANS: Cássio; Alessandro, Gil, Paulo André e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Danilo e Romarinho (Edenilson); Emerson (Jorge Henrique) e Guerrero (Alexandre Pato) Técnico: Tite

Via Gazeta Esportiva

Gols

Relacionados

Eu no Morumbi: São Paulo x Corinthians

Bastidores de São Paulo x Corinthians

Ney Franco não contará com Ganso na próxima rodada do Paulista

Apesar da derrota, Ney Franco elogia a equipe

***(*) ******(*)

Anúncios

2 Respostas to “São Paulo 1×2 Time do Governo”

  1. Goiano Tri-Hexa Says:

    Quarto jogo na temporada em que o São Paulo foi roubado pela arbitragem.

  2. Guedes Says:

    Que injustiça, dominamos o jogo.
    Coisas do futebol.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: