Cruzeiro 2×3 São Paulo

A manchete para o jogo no Estádio Independência poderia ser simples: “Fora de casa, São Paulo vence o Cruzeiro”.  Mas não foi uma vitória qualquer. Foi a primeira do Tricolor fora de casa neste Campeonato Brasileiro. Foi também contra o então líder e invicto na competição nacional.

Foi, inclusive, a primeira depois da eliminação na Copa do Brasil e da saída do técnico Emerson Leão. Com Milton Cruz no comando interino da equipe, o São Paulo bateu o Cruzeiro por 3 a 2, neste sábado, em Belo Horizonte, com gols de Luis Fabiano, Lucas e Jadson.

E quem disse que jogar com três zagueiros é defensivo? O Tricolor mostrou que não é bem assim. Atacou o time cruzeirense, se defendeu quando foi pressionado e saiu de campo com o objetivo conquistado. Em campo, o placar poderia ter sido mais elástico, mas Fabuloso errou um pênalti.

Com o triunfo, o time paulista chegou a 12 pontos na tabela de classificação do Nacional e segue entre os líderes do torneio. Para quem era visto com desconfiança e criticado por muitos, o São Paulo mostrou que não está morto e segue vivo (muito) na disputa pelo título brasileiro.

INÍCIO FULMINANTE

Milton Cruz confirmou as mudanças na equipe e entrou em campo no esquema 3-5-2. Edson Silva, João Filipe e Maicon foram as novidades no time titular. Apesar do bom início do Cruzeiro, o São Paulo teve a primeira grande chance. Aos cinco minutos, Jadson perdeu grande chance dentro da área, após receber passe de Cortez.

Se o camisa 10 desperdiçou, Luis Fabiano não deixou passar. Aos 11 minutos, Fabuloso aproveitou vacilo de Rafael Donato e colocou a bola na rede. Porém, o zagueiro cruzeirense se redimiu no lance seguinte e empatou o jogo no Estádio Independência.

O Tricolor não demorou para dar o troco e ficar novamente em vantagem. Aos 15, Luis Fabiano fez jogada pelo meio do campo e a bola sobrou para Lucas. O camisa 7 teve a tranquilidade de tirar o zagueiro da jogada e bater forte na saída do goleiro Fábio.

VITÓRIA GARANTIDA

O São Paulo voltou melhor no segundo tempo e ampliou o marcador. Aos três minutos, após bom ataque são-paulino, Jadson aproveitou rebote de Cortez e tocou com precisão para marcar o terceiro gol do Tricolor na partida. Mas, minutos depois, Rafael Donato fez mais um e diminuiu para o Cruzeiro.

Aos 19 minutos, o São Paulo poderia ficar mais uma vez em boa vantagem, mas Luis Fabiano perdeu pênalti sofrido por Lucas. Logo após o lance, Milton Cruz colocou em campo Cícero no lugar de Jadson, que fez uma boa atuação diante da equipe mineira. Aos 27, Paulo Miranda salvou a equipe em chute de Tinga.

O cruzeirense teria outra boa chance minutos depois, mas errou por muito na hora da conclusão. Para segurar a pressão do rival, Milton Cruz tirou Lucas e colocou Casemiro. O Cruzeiro seguiu pressionando, mas Denis fez boas defesas e garantiu a vitória fora de casa para o Tricolor.

Via Site Oficial

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 2 X 3 SÃO PAULO

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 30 de junho de 2012, sexta-feira
Horário: 16h20 (de Brasília)
Renda:
Público: –
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa-RJ)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moises (Fifa-RJ) e Rodrigo Pereira Joia (Fifa-RJ)
Assistentes adicionais: João Batista de Arruda e Wagner dos Santos Rosa (ambos do RJ)
Cartões amarelos: Casemiro, Luis Fabiano, Douglas e Denilson (São Paulo); Wellington Paulista, Willian Magrão e Victorino (Cruzeiro)
Gols: CRUZEIRO: Rafael Donato, aos 12 minutos do primeiro tempo e aos oito minutos do segundo tempo. SÃO PAULO: Luis Fabiano, aos 11, Lucas, aos 15 minutos do primeiro tempo; Jadson, aos três minutos do segundo tempo.

CRUZEIRO: Fábio; Léo, Rafael Donato, Victorino e Everton; Leandro Guerreiro, Charles (Wallyson), Tinga (Willian Magrão) e Montillo; Fabinho (Souza) e Wellington Paulista Técnico: Celso Roth

SÃO PAULO: Denis; João Filipe, Rhodolfo (Paulo Miranda) e Edson Silva; Douglas, Denilson, Maicon, Jadson (Cícero) e Cortez; Lucas (Casemiro) e Luis Fabiano Técnico: Milton Cruz (interino)

Via Gazeta Esportiva

Melhores Momentos

Relacionados

Juvenal vai a campo e elenco dedica vitória ao presidente

Fabuloso enaltece triunfo: “O espírito é esse”

Milton Cruz cita Rogério, agradece apoio e chora

Lucas vibra: “Mostramos que temos capacidade”

***(*) ******(*)

Próxima Partida: São Paulo x Coritiba,  Brasileirão 2012,  Morumbi, São Paulo, domingo, 08.07 às 16h00.

Anúncios

14 Respostas to “Cruzeiro 2×3 São Paulo”

  1. Adonis Says:

    Só ganha quando não vale vaga para final.

  2. Jorge Tri-Hexa Says:

    Depois do jogo de ontem, eu tenho uma certeza.
    Derrubaram o Leão.
    Jogaram demais apesar da defesa continuar a mesma merda, meio e ataque e as laterais funcionaram como nunca.
    Este time é forte, com um técnico do ramo pelo menos G4 a gente pega.

    • Helder Says:

      Ou o Leão derrubava o time… rs

    • Franklin Says:

      O Leão não é ruim, o problema é o gênio.
      Ele briga com todo mundo.

      • Helder Says:

        O problema foi que não fez o que competia a ele: dar uma cara ao time, um jeito de jogar, padrão tático, além do mais 1 cara brigar com 30 pessoas não é muito inteligente, isso não é problema de gênio, é burrice mesmo, hehe

  3. Edu Tricolor Says:

    O Leão tava atrapalhando, o Milton Cruz montou o time muito melhor que ele.
    Desta vez o Juvenal tem que acertar o técnico.
    Se fosse eu, segurava o Milton Cruz até dezembro e esperava pra contratar o Villas Boas ou o Felipão.

  4. Guedes Says:

    Que jogo !
    O São Paulo é um time meio doido, vai pra cima e não tá nem ai com a defesa.
    Acertando o esquema defensivo, ainda pode ser um bom time apesar de alguns vagabundos.

  5. William Says:

    é….
    deu uma animada , mais ai que eu penso , por que não jogaram assim contra o Coxa???????
    vai saber… mas, bola para frente e cruzeiro eternamente nosso freguêsão !!!!

  6. Henrique Soberano Says:

    O São Paulo arrumou um lateral direito depois de anos.
    Viu o drible da vaca do Douglas no gol do Fabuloso, o primeiro ?
    Lindo lance.

  7. Edu Tricolor Says:

    O flamenguista aqui tem uma má vontade enorme com o tricolor.
    Time vai em Minas, ganha a primeira fora contra o líder do campeonato e segundo ele, deixa um rastro de problemas.
    Merece um esporro aqui no blog.

    http://radio.estadao.com.br/audios/audio.php?idGuidSelect=198378E4515B43B7833DB8E72C2D6D64

  8. guina Says:

    Parece jogada armada pra derrubar técnico! Agora ganha fora de casa……

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: