Archive for 17 de junho de 2012

São Paulo 1×0 Atlético-MG

17/06/2012

Antes do jogo, um momento nostálgico aos são-paulinos. Em campo, Raí, Zetti, Ronaldão e companhia foram homenageados pelo título da Libertadores de 92. Para a festa ficar completa faltava uma vitória sobre o Atlético-MG, na tarde deste domingo, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro.

Apesar da expulsão no segundo tempo, Luis Fabiano fez o gol da vitória sobre os mineiros por 1 a 0 e completou o dia de celebrações do Tricolor. Com o triunfo, a equipe paulista chegou a nove pontos no Brasileiro, próximo dos líderes da competição.

Dentro da área, Fabuloso fez o que dele se espera. Ainda no primeiro tempo, o camisa 9 aproveitou passe de Jadson e, com um toque de categoria, deixou sua marca. Na temporada, este foi o 16⁰ gol do atacante em 20 jogos. Em uma tarde de ídolos, Luis Fabiano deixou sua marca, mas acabou expulso de campo na etapa final.

GOL DO ARTILHEIRO

Sem Denilson, pendurado, Fabrício foi a principal novidade na equipe titular diante do Atlético-MG. Mas o camisa 8, que retorna ao time após estiramento na panturrilha esquerda, ficou em campo apenas 22 minutos. Em um lance isolado, o volante pisou em falso e lesionou o joelho esquerdo.

Com a saída de Fabrício, Emerson Leão colocou Maicon, que fez um bom primeiro tempo. Seguro no sistema defensivo, o Tricolor pouco foi exigido pelos mineiros. No ataque, Jadson e Luis Fabiano chegaram com perigo e assustaram o goleiro Giovanni.

E foi dos pés da dupla que saiu o primeiro gol. Aos 41, Jadson lançou Luis Fabiano pela direita e, com um leve toque por cima do goleiro, o camisa 9 abriu o placar no Morumbi. Um resultado justo na primeira etapa, já que o São Paulo teve mais posse de bola que o rival.

EXPULSÃO E VITÓRIA

O jogo no segundo tempo foi mais movimentando. As duas equipes se lançaram ao ataque. Pelo lado são-paulino, boas chances com o trio Lucas, Jadson e Luis Fabiano. Em um dos lances, o camisa 10 lançou Fabuloso, que por pouco não chegou antes do goleiro na jogada.

Aos 22, o Atlético-MG deu o troco e levou perigo. Bernard chutou de dentro da área e Denis fez excelente defesa. Com um cartão amarelo, Leão tirou Douglas e colocou Rodrigo Caio, aos 24. Aplaudido pela torcida, Lucas deixou o campo aos 36 do segundo tempo para a entrada do atacante Osvaldo.

No fim da partida, após receber o cartão amarelo, Luis Fabiano levou o segundo e foi expulso. Lance causou muita revolta do atacante, que saiu de campo criticando muito a arbitragem. Mesmo com um a menos, o Tricolor segurou o resultado até o fim e conquistou a terceira vitória seguida no Morumbi – também venceu Bahia e Santos.

REAPRESENTAÇÃO

O elenco são-paulino voltará aos treinos nesta segunda-feira, às 15h30, no CT da Barra Funda. Na próxima quarta-feira, o São Paulo enfrentará o Coritiba, no Couto Pereira, pela segunda partida das semifinais da Copa do Brasil. No jogo de ida, o Tricolor venceu por 1 a 0, com gol de Lucas.

Via Site Oficial

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 1 X 0 ATLÉTICO-MG

Local:   estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 17 de junho de 2012, domingo
Horário:   16 horas (de Brasília)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Renda: R$ 304.052,00
Público: 10.981 pagantes
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Cristhian Passos Sorence (GO)
Assistentes adicionais:   Fabio Filipus (PR) e Antonio Frederico de Carvalho Schneider (RJ)
Cartões amarelos: Douglas e Lucas (São Paulo); Pierre (Atlético-MG)
Cartões vermelhos: Luis Fabiano (São Paulo)
Gols: SÃO PAULO: Luis Fabiano, aos 40 minutos do primeiro tempo.

SÃO PAULO: Denis; Douglas (Rodrigo Caio), Paulo Miranda, Rhodolfo e Cortez; Fabrício (Maicon), Casemiro, Cícero e Jadson; Lucas (Osvaldo) e Luis Fabiano Técnico: Emerson Leão

ATLÉTICO-MG: Giovanni, Carlos César (André), Réver, Rafael Marques e Júnior César; Pierre (Leandro Donizete), Richarlyson, Danilinho (Juninho) e Ronaldinho; Bernard e Jô Técnico: Cuca

Via Gazeta Esportiva

Melhores Momentos

Relacionados

Eu no Morumbi: São Paulo x Atlético-MG

Tricolor revive decisão de 1992 nas redes e emociona a torcida

EXCLUSIVO: Bastidores da homenagem aos Campeões de 1992

Bastidores de São Paulo 1 x 0 Atlético-MG

Elenco enaltece terceira vitória seguida no Morumbi

Casemiro para Ronaldinho e recebe elogios de Leão: “Excelente”

Com entorse no joelho, Fabrício preocupa médicos do Tricolor

***(*) ******(*)

Próxima Partida: Coritiba x São Paulo,  Copa do Brasil 2012,  Couto Pereira, Curitiba, quarta-feira, 20.06 às 21h50.

20 Anos da Primeira Conquista Continental

17/06/2012

Salve Soberania !

Comemore muito, porque este caneco é nosso e foi merecido.

17.06.1992, o dia em que o gigante pisou firme na América e o mundo ouviu seus passos.

O primeiro título continental de três que o gigante conquistou e o primeiro de outros incontáveis que virão.

Vista sua camisa, pendure sua bandeira, vá ao Morumbi.

Este aniversário merece nossa festa.

Relacionados

Campeões da Libertadores de 92 são homenageados no Morumbi

Pela primeira vez campeão da América, Telê completou a trinca

Raí: o maestro do título de 92

A comemoração pela conquista da América

Minuto a minuto do jogo em que a América foi conquistada

São Paulo comemora 20 anos do dia em que pegou gosto por Libertadores

São Paulo homenageia campeões de 92 antes de jogo no Morumbi

São Paulo comemora 20 anos da Libertadores com festa no Morumbi

São Paulo comemora 20 anos da 1ª Libertadores; relembre cinco principais personagens

Pérola do Baú: fora da Globo, Galvão chora com título do SP na Libertadores e ensaia bordões

Baixe o especial dos 20 anos da Libertadores 1992

Libertadores de 92 inspira Lucas e companhia

Zetti: o paredão da América em 92

Raí: o Terror do Barcelona

São Paulo homenageia título da Libertadores de 92 no domingo

São Paulo homenageará campeões da Libertadores de 92

São Paulo festeja 20 anos do 1° título da Libertadores

Em 92, US$ 100 e mímica valem “maior defesa da história” do Tricolor

A primeira vez é inesquecível, diz presidente na Libertadores de 92

Macedo se emociona ao falar de Telê e recorda histórias hilariantes

Do desinteresse à aventura boliviana: ‘causos’ da Libertadores de 92

Telê encara torcida e vence aversão para ‘deixar’ de ser pé-frio

Conquista da América leva o capitão Raí à idolatria e à fama mundial

Vídeo: Zetti e Valdir de Moraes veem taça em 92 como marco para o Brasil

Veja galeria de fotos da conquista da Libertadores de 1992

***(*) ******(*)