O Homi Vai Jogar Felipão ! Tremei !

Ilustração: Gustavo Duarte

Relacionados

Rivaldo treinou entre os titulares, Casemiro foi para a reserva

Te cuida, Felipão!

Rivaldo volta aos treinos no CT e tem boa chance de enfrentar o Palmeiras

Rivaldo treina no campo e pode ser reforço no clássico

Em coletivo, Carpegiani escala meia Rivaldo

“O importante é ganhar o clássico”

***(*) ******(*)

Anúncios

18 Respostas to “O Homi Vai Jogar Felipão ! Tremei !”

  1. Franklin Says:

    Lina, o Scolari falou que o Rivaldo é velho.
    Ele vai querer mostrar que não é.
    Bom pra gente.

  2. Renato Soares Says:

    Mas vai mexer no time que parece ter se arrumado ?
    Espero que o professor Pardal saiba o que está fazendo.

  3. Hannibal Says:

    http://www.saopaulofc.net/v4/noticias2NOVO2.asp?PLC_map_001_c=02.01&PLC_cng_ukey=405971928161DSBL2C

    [Vídeo] Mais um golaço de Rivaldo no treino

    Meia marcou por cobertura no jogo-treino desta tarde

  4. Hannibal Says:

    http://www.lancenet.com.br/futebol-general/C13-espera-bilhoes-plaformas-midia_0_432556900.html

    Foram isso o que os clubes pró-CBF/Globo jogaram fora.

    • José Roberto Says:

      Ontem na Jovem Pan o Ataide Gil Guerreiro chamou o cara de areia mijada de fofoqueiro, para justificar sua saida do clube dos 13 o perebento anda chamando o Gil de ditador, que quer democracia então vai negociar sozinho.
      Mas Fabio Koff já avisou que se curica e os cariocas querem sair tudo bem, que passem no caixa, depositem o que devem, cewrca de R$ 80 milhões, que arranjem outro fiador para as dividas que tem com os bancos porque o Fabio retirará seu nome, automaticamente estão desfiliados.
      Lembrando que a galinha já sacou sua cota até 2012.
      Quero ver o que vai acontecer, a Globo pode até adiantar, com certeza fará, mas será a fiadora?
      Depois qual poder de barganha terá o fdp?
      Disse mais ainda o Ataíde, esses presidentes terão que explicar aos sócios, torcedores, e conselheiros o porque do prejuizo que terão com certeza porque a globo não está fazendo tudo isso para pagar um valor maior, muito pelo contrário..
      Disse mais que clubes como flabosta e baratas podem até ganhar um pouco mais, mas os outros as cotas com certeza diminuirão.
      Ontem o curitiba anunciou no seu site que também deixará o C13 para negociar em separado.
      Que poder tem esse clube lutando sozinho?
      O presidente do Santos se ofereceu para conversar com os descontentes para demove-los da idéia mostrará a besteira que estão fazendo.
      O Kalil do Atl. Mineiro já avisou que não permitirá transmissão dos seus jogos com esses clubes pela globo.
      Então a coisa não está tão fácil assím como esses caloteiro boquirrotos estão pensando.
      Daí pergunto aos amigos porque a porca velha caloteira não se rebelou?
      Será que tem juizo ou não tem grana para pagar a dívida com o C13, já adiantou cotas até 2015?

  5. José Roberto Says:

    Se vocês querem saber minha opinião em relação a esse fato, estou adorando todo esse embrolho pelo seguinte, mostra para o mundo a maneira rasteira de agir do barão da cbf, trambique, rasteira, jogo sujo é o que mais usa.
    Na eleição para pres. da fifa qual país sério votará nesse traste, já está provado que é propineiro, tem sede pelo poder, depois de eleito não solta mais o osso.
    O mais importante, não está conduzindo com correção os preparativos para o mundial, os escandalosestão pipocando, o TCU já provou que as obras do Maracanã estão superfaturadas, as notas da compra das pastilhas mostra isso.
    Mas o povo e os torcedores não estão preocupados com isso, o que importa é ver os dirigentes levar vantagens as custas do sofrimento dos otários.
    Se querem assím o que podemos fazer?

  6. José Roberto Says:

    OBS:
    Reforma do Maracanã chegará a R$ 1.400.000.000,00, isso mesmo Um bilhão e quatrocentos milhões.
    Dá para construir dois estadios novinhos em folha.

    • Hannibal Says:

      Olá José Roberto, na Argentina ergueram um estádio pra 50 mil pessoas, o mais moderno da AL por 200 milhões de dólares…

      Com essa grana dá pra fazer 3 estádio modernos pra 50 mil custando 400 mi cada e ainda sobra muita grana, será que a Argentina é tão competente assim?

      • José Roberto Says:

        Isso mostra que o povo brasileiro não precisa de mais nada afinal de contas a galinhada que por estatistica é da classe mais pobre, está feliz da vida, então fica provado entre ” que o povo argentino está anos luz na frente dos brasileiros.
        Tem mais lá o governo pagou uma baita grana pelos direitos de transmissão dos jogos de futebol, todos sairam ganhando, reduzindo muito a possibilidade de corrupção. mas nós somos mais espertos, não é verdade?

  7. LUCAS HEXA Says:

    http://contextolivre.blogspot.com/2011/02/verdades-sobre-o-clube-dos-13-x.html

    excelente leiura recomendo

  8. LUCAS HEXA Says:

    A ruptura do Clube dos 13 é coisa da CBF e da Globo, diz Koff Imprimir E-mail
    Sex, 25 de Fevereiro de 2011 08:40

    Dirigente acusa Ricardo Teixeira e Marcelo Campos Pinto por racha

    Na tarde da última quarta- -feira, recebi em meu escritório, no andar de cima de minha casa, o presidente do Clube dos 13, Fábio Koff.

    Havia alguns anos que não nos falávamos, fruto de divergências sobre os rumos da entidade que ele dirige. E de críticas ácidas, respondidas por ele no mesmo tom.

    Considero que o reencontro de anteontem foi fruto da autocrítica de quem quer retomar um caminho, mesmo que pareça tarde demais.

    Na despedida, e fiz questão de ir com ele até o carro, ouvi: “Estou velho para poder ter tempo de fazer novas reconciliações. Tenho certeza de que, com você, não será preciso mais nenhuma”.

    Abaixo, seu depoimento, o mais fiel possível porque não foi gravado, mas submetido a ele antes da publicação.

    “Não vim para me justificar. Até porque as coisas que não fiz não as fiz ou porque não soube, não tive competência ou força para fazer. E algumas vezes fraquejei.

    Errei ao aceitar ser chefe da delegação da seleção brasileira na Copa da França. E fui muito criticado por isso, com razão de quem criticou.

    Não queria ir, pensei em dizer não ao convite, mas até minha mulher argumentou que eu vivia criticando e que não poderia recusar ao receber aquela responsabilidade.

    Fui, convivi pouco com o Ricardo [Teixeira, presidente da CBF], ele lá, eu cá, mas não posso negar que ele é tão poderoso como abjeto.

    Fui traído muitas vezes ao longo desses anos, embaixo do pano, na calada da noite.

    O Marcelo [Campos Pinto, principal executivo da Globo Esportes] e a CBF implodiram a FBA [empresa que geria a Série B] e fizeram um contrato de adesão da Série B.

    Os clubes fecharam por R$ 30 milhões até 2016, quando poderemos chegar a R$ 1 bilhão por ano. Isso é inaceitável, os clubes menores vão morrer. Vão matar o futebol.

    Fraquejei ao não fazer a Liga dos Clubes, como era nosso projeto de vida. Não me senti forte, respaldado o suficiente. O temor em relação a retaliações da CBF é grande, a ponto de ela ter extinguido o conselho técnico dos clubes e ninguém reclamar.

    Esta ruptura do Clube dos 13 é coisa do Ricardo e do Marcelo. Eles são vizinhos de sítio e tramam tudo nos churrascos que fazem.

    O Andres Sanchez veio até minha sala, encheu-me de elogios e avisou que o Corinthians ia sair. Eu até disse que entendia, que admitia que quem entra pode sair, mas que queria saber o motivo. Ele disse que, quando alguém pega um rumo, tem de ir até o fim.

    “Mas que rumo?”, perguntei. “O rumo, o rumo”, respondeu.

    Convidei-o para a reunião. Ele disse que não, que era assunto para o Rosenberg [Luis Paulo Rosenberg, diretor de marketing do Corinthians].

    Ele foi embora, mas tem dívida lá para pagar. Se pagar, ficará claro, para o Cade [Conselho Administrativo de Defesa Econômica], inclusive, quem pagou.

    Não falou nada em lisura e está cansado de saber que ganho, líquido, coisa de R$ 52 mil, mais dinheiro do que vi em toda minha vida de juiz, é verdade, mas salário a que faço jus e que, por iniciativa minha, é menor do que deveria ser pelo que fora decidido em
    Assembleia Geral.

    Se prevalecesse a porcentagem sobre o contrato com a TV, seria muitíssimo maior, poderia chegar a R$ 5 milhões por ano, o que evidentemente seria um exagero.

    Quanto a termos avisado os concorrentes sobre o ágio concedido à Globo, qual é o problema? Falamos com todos mesmo, com a Globo inclusive, que reagiu muito bem, em ligação que fiz à Márcia Cintra [braço direito de Marcelo Campos Pinto].

    Juro que não queria mais uma reeleição. Mas, quando vi a armação para eleger o Kléber Leite, sem nenhuma conversa comigo, até meus filhos e minha mulher, que não queriam mais que eu ficasse, acharam que não, que eu tinha de ir para a luta.

    E eu disse com todas as letras para o Marcelo que aquilo era coisa dele e do Ricardo. Ele desconversou, perguntou como estava a saúde de minha mulher, aquela coisa melíflua que ele faz sempre que é pego em flagrante.

    E eles compraram votos, empréstimo para um, adiantamento para outro, mas não passaram de oito votos porque nós também trabalhamos sem descanso.

    Antes, tinham nos oferecido pegar a segunda divisão para administrar, mas a proposta era tão iníqua que eu me revoltei e denunciei, o que deixou o Marcelo muito irritado. Ele não está acostumado a ser contrariado.

    A gota d’água definitiva foi o contrato que o Palmeiras quis fazer no uniforme do Felipão, e a CBF disse que não podia porque era direito de comercialização dela, por causa de um artigo no regulamento das competições que, evidentemente, foi escrito pelo Marcelo, como eu disse para ele, por conhecer o estilo de escrita dele. E ele, constrangido, negou.

    Notifiquei judicialmente a CBF. O Ricardo ficou uma fera. Soube que falou palavrão, perguntou quem tinha feito a “cagada”, ao mesmo tempo em que não se conformava porque, em vez de falar com ele, eu o havia notificado.

    Ele resolveu que não falaria mais com o Clube dos 13, que só receberia clubes por intermédio das federações estaduais e que o Clube dos 13 não tinha existência legal porque não está no sistema esportivo nacional.

    Na hora de pensar no contrato dos direitos do Brasileiro, fui ao Cade tratar do direito de preferência da Globo, que inviabilizava qualquer concorrência. Foi a vez de o Marcelo não me perdoar.

    Azar dele. Montamos uma comissão de negociação em que fiz questão de dividir com dois eleitores que votaram em mim e dois que não votaram. Dei carta branca ao Ataíde Gil Guerreiro [diretor-executivo do C13], empresário vitorioso, competente e independente. O resultado do trabalho é precioso.

    Só me resta lutar até o fim. Se cair, cair de pé. Quem sabe se não lanço agora a Liga?

    Saio de sua casa honrado por nosso reencontro, disposto a ouvir as críticas que merecer e a lutar para, quem sabe, ajudar a evitar também a roubalheira que querem fazer em torno da Copa.

    Aliás, e o Orlando Silva Jr.? Que decepção! Mas confio na Dilma. Ela não permitirá a farra que querem fazer.

    Enfim, lamento ter perdido um companheiro como o Belluzzo [Luiz Gonzaga Belluzzo, ex-presidente do Palmeiras], um homem de bem, bem preparado, que fez um trabalho para refinanciar as dívidas dos clubes exemplar, estabelecendo teto para se gastar com futebol e escalonando o pagamento da dívida de maneira transparente, muito melhor que essa Timemania, que é uma bobagem.

    E lamento que o Juvenal [Juvêncio, presidente do São Paulo] tenha se desgastado com os demais dirigentes do Clube dos 13, porque ele era o meu sucessor natural.

    Minha vida foi toda muito boa, não posso me queixar e não me arrependo de nada, a não ser de poucas coisas no futebol que faria diferente. Cheguei ao C13 com um contrato de R$ 10,6 milhões, feito pela CBF. Nada no mundo se valorizou tanto como nossos direitos de transmissão.

    Não sou homem de desistir e, com 80 anos, dou-me o direito de estar meio rabugento. Vamos ver como vou fazê-los engolir a rabugice.”

    Juca Kfouri, Folha

  9. LUCAS HEXA Says:

    Danilo Vital
    Direto de São Paulo

    A demora no início das obras do estádio do Corinthians, escolhido pela Fifa para receber o jogo de abertura da Copa do Mundo de 2014, está deixando o presidente Andrés Sanchez descrente. Nesta quinta-feira, ele afirmou que tem cobrado os responsáveis por tirar o projeto do papel, mas que problemas com verba e entraves burocráticos estão adiando o processo.

    “Eu também sou torcedor e quero saber desse estádio. Estão me convencendo de que é um sonho”, disse o dirigente, ironizando a demora. “Eu tinha certeza que as obras começariam em março, mas aí já colocaram para 1° de abril, dia da mentira. Cobro os responsáveis todos os dias”, apontou o presidente do Corinthians.

    éééééééééé

  10. Fã do Rivaldo Says:

    Matéria muito legal sobre o Rivaldo, no UOL:

    http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/paulista/ultimas-noticias/2011/02/25/contra-time-de-coracao-rivaldo-volta-a-disputar-choque-rei-apos-15-anos.jhtm

  11. joão paulo Says:

    façam suas apostas para domingo

    eu aposto

    spfc 2 x 0 palmeiras

    apenas estou vendo a realidade, um time do estilo de jogo do felipão que nao tem um 9, nao pode arrumar muita coisa

  12. Sãopaulino Says:

    E o tabagista padroeiro de Manchester pediu penico e não entrará em campo domingo, tá se borrando de medo de entrar para a história ao tomar o centésimo gol do Mito Ceni.

    Careca Bundão!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: